Exposição fotográfica Fashion Victms traz a Salvador o “glamour” das vitrines europeias

"Hilda", por Roberto de Souza

O “glamour” anda solto pelas ruas das cidades através das vitrines, com puro cenário e luz. E assim como num processo natural, o fotógrafo baiano Roberto de Souza resolveu fotografá-las e eternizá-las pelas ruas de Paris, Antuérpia, Bruxelas, Amsterdã, entre outras. O resultado desta experiência é a mostra FASHION VICTMS que tem abertura hoje, na Saladearte Cine Vivo (Shopping Paseo), a partir das 20h. Esta exposição está inserida na programação da Semana de Arte e Moda de Salvador – Imagem Fashion, evento promovido pelo grupo Saladearte e Multi – Planejamento Cultural que traz à cena arte, moda, fotografia, pintura, design e pensamento.

Confira uma rápida entrevista com o fotógrafo Roberto de Souza:

Como surgiu a idéia de fotografar vitrines?

Andando pelas ruas das cidades, principalmente na Europa. Percebia que por lá as vitrines eram bem mais elaboradas, criadas como verdadeiros cenários, entre o conceito singular e a iluminação apropriada… nada mais a fazer a não ser registrar aqueles ambientes cheios de uma sofisticação especial e intrigante.

Como você conceitua o seu trabalho como um todo?

O meu trabalho é o resultado da minha própria experiência vital e cotidiana. Fotografo a vida documentando as partes, os capítulos, os epsódios do qual faço parte ou não, que me interessam ou que me intrigam, os que me dão prazer ou os que me revoltam o espírito. Como disse Win Wenders uma vez: A câmera é a arma do olhar contra a miséria das coisas, que é, DESAPARECER… Assim sigo eu com a minha máquina.

Que técnica utiliza em seus trabalhos?

Não sou “puramente” fotógrafo, nem artista plástico. Hoje conceitua-se como arte visual o que resulta dessa mistura entre imagens, que se tornaram híbridas, originárias do registro fotográfico, mas interpretadas a partir de interferências gráficas, imprimindo-as em diferentes suportes e mídias. É isso o que eu faço, um percurso entre a fotografia e as artes gráficas.

Onde o Fashion Victms já foi exposto, ganhou alguma menção, crítica?

A série FASHION VICTIMS foi criada especialmente para esse evento, o IMAGEM FASHION, a convite de Marcelo Sá. A partir da ideia inicial, do conceito do projeto como um todo, busquei nos meus arquivos imagens e ideias para criar uma exposição que traduzisse esse contexto. Gosto de trabalhar a partir de um tema e com ele criar uma série, um conjunto de imagens que o investigue e o traduza e transforme o resultado adquirido em pensamento. Fazer arte é fazer pensar… criar pensamento.

Qual experiência você traz do exterior?

Vivi cinco anos entre a Bélgica e a França. Trabalhei para alguns artistas e fotógrafos como Marin Kasimir e Paul Vercheval. Estudei comunicação visual numa escola de pesquisa gráfica, em Bruxelas (ERG – Ecole de Recherche Grafique). De volta a Salvador, tenho me dedicado além do meu trabalho pessoal como artista visual, a exposições (curadoria, direção de arte e produção) para outros artistas, como Arlete Soares, Zélia Gattai Amado, Lita Cerqueira, Elisa Vesta, Eduardo Carvalho etc.

Na sua opinião qual a importância de eventos como Imagem Fashion em Salvador?

O mais importante para mim no Imagem Fashion é a visibilidade possível para os diferentes artistas que participam com as suas diferentes produções, através das mostras paralelas. Exibir esses trabalhos em lugares públicos, ou seja, de passagem, nas salas de cinemas e shoppings, é trazer para mais próximo da população uma linguagem artística contextualizada, pode ser um ganho para todos nós.

Onde será a próxima exposição?

Alguns projetos em andamento. Todos os lugares são possíveis para o artista levar o seu trabalho. Continuo residindo no Litoral Norte, em Santo Antonio da Praia, e de lá, para o mundo, para onde a minha arte me levar…

Qual a sua formação?

Já fui dançarino e coreógrafo, cursei por três anos a Escola de Dança da UFBA. Trabalhei com Ivaldo Bertazo em São Paulo em 1983. Comecei a fotografar aos dez anos, com uma máquina TUCA, presente do meu padrinho, Paulo Carvalho. Aos dezesseis imaginava que poderia ser fotógrafo e aos dezoito já tinha a certeza do que queria. Sempre as linguagens para mim estavam associadas e se completavam. Também estudei pintura com Hedva Meged em São Paulo. Trabalhei com vídeo e criei com alguns amigos a produtora DROPAUTE, primeira produtora de vídeo independente da Bahia, nos anos 80. Com ela ganhamos prêmios aqui e no exterior.

Qual a sua maior influência como profissional?

São muitas as influências como profissional. Começando pelos mais próximos, Pierre Verger e Arlete Soares, com quem tive a honra e o prazer de conviver e trabalhar durate alguns anos na Editora Corrupio e na Fundação Pierre Verger, quando foi criada.

O cinema também é uma influência. As artes plásticas e a fotografia… a moda. Posso citar nomes que vão de Caravaggio a Dries Van Notten, de Pasolini a Robert Longo, de Robert Rauschenberg a Sarah Moon, de Paulo Roversi a August Sander, de Henry Miller a Anais Nin… Todos os dias da minha vida eu continuo a buscar influências, e que assim seja para sempre…

Quais seus trabalhos mais relevantes?

“Proibido Colar Cartazes” – Prêmio Braskem de Cultura e Arte – 2003 e Conjunto Cultural da Caixa – São Paulo – 2003
“Underwaterlove” – Conjunto Cultural da Caixa – Salvador – BA – 2003
1994 – Trabalhei para a agência de imagens WTN – World Wide Television News, para as produtoras Watch TV e Alice, e as televisões Canal Sur, BBC e CNN – Bruxelas – Bélgica.

Exposição Fashion Victims

Início: 25/03/2010, 20h
Em exibição até final de abril
Onde: Saladearte Cine Vivo – Shopping Paseo
Entrada franca

O IMAGEM FASHION conta com o apoio financeiro do Governo da Bahia, através do Fundo de Cultura e também com o apoio institucional do Shopping Paralela, da Unijorge e da UFBA/PAC.

Anúncios

Imagem Fashion: Programação

Cao Albuquerque assina o figurino de Romance

19/03 – SEXTA-FEIRA

ABERTURA
Exposição O Figurino de Cao Albuquerque
Exposição Estilistas Homenageiam o Cinema
As exposições antecipam a programação do Paralela Moda e Arte.

HORÁRIO: 19h30
LOCAL: Shopping Paralela

20/03 – SÁBADO

Beleza Roubada, figurino Giorgio Armani

AULA-SHOW DE MAQUIAGEM
O convidado WESTERLEY DORNELLAS faz apresentação ao vivo de efeitos em maquiagem. Atividade integrante também do Paralela Moda e Arte.
LOCAL: Shopping Paralela
HORÁRIO: 18h

EXPOSIÇÃO VERSÃO EM PRETO E BRANCO
Início da exposição de Fabíola Freire
LOCAL: SALADEARTE DA UFBA

MOSTRA 7X7
EXIBIÇÃO DO FILME: Beleza Roubada, de Bernardo Bertolucci
LOCAL: Cinema da UFBA
HORÁRIO: 18:30h


21/03 – DOMINGO

MOSTRA 7X7
EXIBIÇÃO DO FILME: A Pantera Cor de Rosa, de Blake Edwards
LOCAL: Cinema da UFBA
HORÁRIO: 18:30h

22/03 – SEGUNDA-FEIRA

MOSTRA CAO ALBUQUERQUE NO CINEMA
LOCAL: Shopping Paralela – Cinema UCI Orient
HORÁRIO:11h
EXIBIÇÃO DO FILME: Romance, de Guel Arraes
ENTRADA FRANCA

Bonequinha de Luxo, figurino Hubert De Givenchy

OFICINA DE MODA
TEMA: Planejamento e produção de figurino e maquiagem
LOCAL: Unijorge
HORÁRIO: 14h – 17h
OFICINEIROS Alam Félix

MOSTRA 7X7 E BATE-PAPO
EXIBIÇÃO DO FILME: Bonequinha de Luxo, de Blake Edwards
TEMA DA MESA:  Elegância, feminilidade e sofisticação num pretinho básico. O cinema e a moda como vendedores de sonho
PALESTRANTES: Diogenes Costa/Max Bittencourt
MEDIADOR:  Marcus Vinicius de Souza
LOCAL: Cinema da UFBA
HORÁRIO: 18:30h

23/03 – TERÇA-FEIRA

MOSTRA CAO ALBUQUERQUE NO CINEMA
LOCAL: Shopping Paralela – Cinema UCI Orient
HORÁRIO: 11h
EXIBIÇÃO DO FILME: Auto da Compadecida, de Guel Arraes
ENTRADA FRANCA

OFICINA DE MODA (Continuação)

Kika, figurino de Jean-Paul Gaultier

MOSTRA 7X7 E BATE-PAPO
EXIBIÇÃO DO FILME: Kika, de Pedro Almodóvar
TEMA DA MESA: Incrível, Fantástico, Sensacional. Moda e transgressão ao melhor estilo Almodovariano
PALESTRANTES: Adriana Amorim e Caroline Barreto
MEDIADORA: Suzana de Almeida
LOCAL: Cinema da UFBA
HORÁRIO: 18:30h

24/03 – QUARTA-FEIRA

MOSTRA CAO ALBUQUERQUE NO CINEMA
LOCAL: Shopping Paralela – Cinema UCI Orient
HORÁRIO: 11h
EXIBIÇÃO DO FILME: Irma Vap – O Retorno, de Carla Camurati
ENTRADA FRANCA

OFICINA DE FOTOGRAFIA
Tema: Fotografia e imagem de moda, com Vinícius Neves
HORÁRIO: 14h às 17h
LOCAL: UNIJORGE

MOSTRA 7X7
EXIBIÇÃO DO FILME: A Regra do Jogo, de Jean Renoir

A Regra do Jogo, figurino de Coco Chanel

LOCAL: Saladearte Cine Vivo (Shopping Paseo)
HORÁRIO: 18:30h

BATE-PAPO COM DUDU BERTHOLINI
Tema: O processo criativo de Dudu e a utilização de grafismos na criação de suas estampas. Atividade integrante também do Paralela Moda e Arte.
Convidados: Virginia Saback – Coordenadora do Curso de Moda/UNIFACS
Marcus Vinicius de Souza – Coordenador do Curso de Moda /UNIJORGE
Carolina Silveira – Vice-coordenadora do curso de moda – UNIJORGE
HORÁRIO: 19h
LOCAL: Shopping Paralela

25/03 – QUINTA-FEIRA

MOSTRA CAO ALBUQUERQUE NO CINEMA
LOCAL: Shopping Paralela – Cinema UCI Orient
HORÁRIO: 11h
EXIBIÇÃO DO FILME: A Grande Família, de Maurício Farias
ENTRADA FRANCA

OFICINA DE FOTOGRAFIA (Continuação)

MOSTRA 7X7 E BATE-PAPO

Noivo neurótico, noiva nervosa - figurino de Ralph Lauren

EXIBIÇÃO DO FILME: Noivo Neurótico, Noiva Nervosa, de Woody Allen
TEMA DA MESA: O consagrado look boyfriend. A relação intima entre personagem, figurino, comportamento e tendência.
PALESTRANTES: Renata Neves e Maurício Portela
MEDIADORA: Patrícia Barros
LOCAL: Saladearte Cine Vivo (Shopping Paseo)
HORÁRIO: 18:30h

FASHION VICTIMS
Abertura da exposição fotográfica de Roberto de Souza
LOCAL: Saladearte Cine Vivo (Shopping Paseo)

26/03 – SEXTA-FEIRA

Dolls, figurino de Yohji Yamamoto

MOSTRA 7X7
EXIBIÇÃO DO FILME: Dolls, de Takeshi Kitano
LOCAL: Saladearte Cinema da UFBA
HORÁRIO: 18:30h

27/03 – SÁBADO

MERCADO DA XITA
Encontro de artistas, marcas e designers, com cerca de 30 expositores.
HORÁRIO: 17h às 22h
LOCAL: Saladearte Cinema da UFBA
Ambientação musical: Ana Bittencourt

27/03 – DOMINGO

MERCADO DA XITA
HORÁRIO: 17h às 22h
LOCAL: Saladearte Cinema da UFBA
Ambientação musical: DJ Jerônimo