A Margem da Linha estreia em nove capitais brasileiras

Cores, formas, luzes, volumes, sombras, perspectivas, silhuetas… ideias.  A arte explode em todas as suas dimensões em A MARGEM DA LINHA, documentário em longa-metragem que convida o público para uma empolgante e lúdica viagem cinematográfica pelo universo da Arte Contemporânea, partindo do trabalho dos artistas Regina Silveira, Sérgio Sister e José Spaniol.


Assista o trailler

Com roteiro e direção de Gisella Callas, que tem no currículo diversos curtas e atuação como fotógrafa da revista Vogue, A MARGEM DA LINHA costura com precisão e criatividade depoimentos de artistas visuais, críticos, curadores e até um Lama Budista, além de – por que não? – profissionais ligados a Matemática, Arquitetura, Museologia e Física Quântica.  A diretora extrai desses depoimentos as mais provocativas confissões, descobertas e reflexões, entremeadas por belíssimas imagens da produção artística recente alguns dos principais nomes das artes visuais no Brasil. O filme procura desfazer clichês sobre arte moderna,  desmontar falsas leituras sobre modalidades contemporâneas das artes plásticas e aponta avanços do segmento.

“As respostas às perguntas propostas foram distribuídas pelo documentário seguindo seu conteúdo e todos os sentidos e significados que surgiram neste diálogo, construindo, assim, uma ampla rede de pensamentos que se complementam ou contrapõem abrindo várias possibilidades de percepção e entendimento”, afirma a diretora Gisella Callas.

O que é Arte? O que não é? Para que ela serve? A quem ela serve? Como ela nasce? Estas e outras perguntas NÃO serão respondidas pelo documentário A MARGEM DA LINHA, segundo a diretora. Neste filme, assim como a própria Arte, a cineasta não busca nem propõe respostas, mas inquietações.

Além de Salvador, filme teve estreia simultânea em outras oito capitais brasileiras: No Rio de Janeiro no Centro Cultural Banco do Brasil – CCBB e no Instituto Moreira Salles – IMS, em Porto Alegre no Instituto Santander, em Belo Horizonte na Usina Unibanco de Cinema, em São Paulo no Centro Cultural Banco do Brasil – CCBB, em Brasília no Cine Academia, em Curitiba na Cinemateca de Curitiba, em Florianópolis no Museu Victor Meirelles e em Recife na Fundação Joaquim Nabuco.

Documentário “A Margem da Linha”; Brasil, 2008, 96 minutos
Direção e roteiro de Gisella Callas. Produção Cinerama Filmes

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s